Moda & Beleza

Moda Livre

O app que monitora as denúncias de trabalho escravo no mundo da moda
Letícia Genesini
06 de julho de 2017

O mundo da moda é bem complicado. Entre padrões distorcidos, incentivo ao excesso de consumo e produções pouco sustentáveis, um dos maiores problemas segue sendo as denúncias de trabalho escravo em pleno o século XXI. Apesar de todas as marcas fair trades e sustentáveis nascendo, é irreal pensar que a grande população deixará de comprar marcas que produzem em larga escala, mas não podemos achar que é irreal que elas sigam as leis básicas de direitos humanos. Pensando nisso, foi criado o app Moda Livre.

Disponível para android e iOS, o app monitora e avalia as grandes marcas classificando a sua conduta. “Todas as companhias foram convidadas a responder um questionário e, com base nas respostas, receberam uma pontuação que as classifica em três categorias de cores – verde, amarelo e vermelho –, de acordo com sua conduta”.

Nos critérios de avaliação foram considerados quatro indicadores:
1. Políticas: compromissos assumidos pelas empresas para combater o trabalho escravo em sua cadeia de fornecimento.
2. Monitoramento: medidas adotadas para fiscalizar os fornecedores de roupa.
3. Transparência: ações tomadas para comunicar aos clientes o que tem sido feito para monitorar fornecedores e combater o trabalho escravo.
4. Histórico: resumo do envolvimento das empresas em casos de trabalho escravo, segundo o Ministério do Trabalho e Emprego (MTE).

Então, não estamos dizendo para você deixar de comprar aquela blusinha pra arrasarna noite. Só, a próxima vez que você entrar na loja, abre rapidinho o app e veja se você apoia as condutas dela.

leia mais sobre appslow fashion